Encontro com as Escolas - Petrolina

 

 

 

Em comemoração aos 10 anos da OBMEP, a coordenação da Regional PE02, em parceria com a Secretaria de Educação de Pernambuco, representada pela Gerência Regional de Educação Sertão Médio São Francisco – GRE Petrolina, organizou o ENCONTRO ENTRE AS ESCOLAS, direcionado a alunos, professores e gestores das Secretarias de Educação Estaduais e Municipais desta Regional.

 O evento foi realizado em dois dias, para públicos distintos: no primeiro dia, realizado em 20 de maio, as atividades foram ofertadas aos gestores e professores; no segundo dia, realizado em 31 de maio, todas as atividades foram organizadas para os alunos, ambos relatados abaixo.

O Encontro para gestores e professores foi realizado na Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Pernambuco – FACAPE, com palestras, minicursos e oficinas destinadas aos mais de  200 participantes presentes. No primeiro momento do evento, o Coordenador da OBMEP na Regional PE02, Prof. Dr. Severino Cirino de Lima Neto, fez uma apresentação de todos os projetos associados à OBMEP, com especial atenção ao Programa de Iniciação Científica – PIC e ao Programa de Oficinas - PROF, que está com a primeira turma formada no Estado de Pernambuco, no município de Petrolina, sob a mesma coordenação responsável pela OBMEP. Esta apresentação causou bastante interesse entre os professores, justificado pela falta de conhecimento, até então, dos prêmios e oportunidades que podem receber a partir do desempenho de seus alunos, reflexo do trabalho deste profissional em sala de aula. Após esta apresentação, houve uma palestra ministrada pelo Prof. Dr. Orlando Stanley Juriaans (IME/USP), intitualda MOTIVAÇÃO NO ENSINO DE MATEMÁTICA E O PROJETO KLEIN, objetivando despertar o interesse dos professores em formar grupo de estudos para estudar Matemática. Para o segundo momento, foram ofertados minicursos e oficinas, ministradas por professores da Universidade de Pernambuco e Mestrandos do PROFMAT/UNIVASF.

O Encontro para os alunos foi aplicado na Universidade Federal do Vale do São Francisco – UNIVASF Campus Petrolina (Centro), e destinado à parcela dos estudantes da Regional PE02 participantes do Projeto de Extensão A UNIVASF DESCOBRINDO TALENTOS EM MATEMÁTICA, que conta com 214 alunos de diferentes escolas e séries, dos quais 153 alunos pertencem à rede municipal de educação do município de Petrolina, sendo: 100 alunos da Escola Municipal Santa Terezinha, 31 alunos da escola Eliete Araújo de Souza e 22 alunos da escola Profa. Laurita Coelho Léda Ferreira; 55 alunos da rede Estadual de ensino, pertencentes às seguintes escolas: 32 alunos do Colégio da Polícia Militar, 13 alunos da Escola Joaquim André Cavalcanti, 08 aluno da Escola de Aplicação Profa. Vande Ferreira de Souza e 02 alunos da Escola Dr. Pacífico da Luz; 05 alunos da Escola Moysés Barbosa; e, por fim, da Rede Federal de Ensino, contamos com a participação de 02 alunos do Instituto Federal do Sertão Pernambucano.

Inicialmente, foi aplicado um questionário simples sobre a importância de estudar e a participação do aluno no curso de extensão e OBMEP, composto de três perguntas. O objetivo do questionário era dar início à atividade iniciada neste evento de comemoração dos 10 anos da OBMEP, e que será aplicada ao longo do curso: MINHAS ESCOLHAS, MEU FUTURO! Nesta atividade, apresentamos cursos que são ofertados pelas universidades da região, indicando quais as atividades desenvolvidas pelo profissional da área, as perspectivas quanto ao mercado de trabalho e remuneração; além disso, indicamos quais são os cursos que são ofertados pelo Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM, e qual a concorrência de cada um. O objetivo principal desta atividade é tentar despertar o interesse desse nosso grupo de alunos para ingressar no ensino superior, esclarecendo dúvidas quanto aos métodos usados para admissão dele no curso desejado (concorrência, SISU, ENEM, PROUNI).

Em ambos os momentos de aplicação do ENCONTRO ENTRE AS ESCOLAS, percebemos o entusiasmo dos participantes (gestores, professores e alunos) quando lhes foram apresentadas às premiações que a OBMEP oferta, fotos das Cerimônias de Premiação (Nacional e Regional) e exemplo de premiados da Olimpíada que receberam destaque nacional, como é o caso da aluna Tábata Amaral. Além disso, pudemos perceber interesse, em ambos os grupos, quanto à participação mais efetiva nas próximas edições da Olimpíada.

 

 

 




$result.label $result.label $result.label $result.label $result.label $result.label $result.label $result.label $result.label $result.label