PREMIAÇÃO REGIONAL - OBMEP 2008 - BA-02

 

 

Emoção e reconhecimento marcam cerimônia em Feira de Santana

 
Arly Mary Carvalho de Oliveira escreve da Bahia
 
Alunos e seus familiares, professores, diretores, coordenadores de escolas, representantes de diretorias regionais de ensino e secretários de Educação de vários municípios da Bahia participaram da solenidade de premiação da 4ª OBMEP – regional BA02 que aconteceu no dia 20 de julho na Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). O evento homenageou os 3 medalhistas de prata, os 2 medalhistas de bronze e os 114 alunos da região que receberam menções honrosas nesta edição das olimpíadas.
 
A professora. Wilma Simões, representando o reitor da universidade, abriu o evento falando da importância da OBMEP e fez uma homenagem especial aos professores de Matemática. Em seguida, a professora. Suely Druck, diretora acadêmica da OBMEP, falou sobre o crescimento da competição e seu impacto na sociedade brasileira.
 
Dando continuidade à solenidade, a professora Arly de Oliveira falou sobre o crescimento e conquistas regionais, destacando a participação do aluno Walassy, que atualmente cursa matemática na Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói, RJ.  A professora também destacou a participação do colégio Assis Chateaubriand,  escola local que por três vezes recebeu prêmios (livros, kit multimídia e troféu) da OBMEP, e que teve um de seus professores, José Fábio, agraciado com um curso no Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA).
 
José Fábio, por sua vez, presidiu o cerimonial, convidando todos a cantar o Hino Nacional. O professor ainda recebeu uma placa comemorativa em homenagem especial por sua atuação como monitor e docente do programa de iniciação cientifica.
 
 A solenidade prosseguiu com uma apresentação de saxofone do aluno Juscelino Lima Rios, do curso de Licenciatura em Matemática da UEFS, que emocionou os presentes.
 
 Para encerrar a solenidade, a professora Wilma convidou os professores de matemática presentes na ocasião para se apresentarem à frente da platéia. Aplaudidos de pé, os professores escutaram as palavras de reconhecimento, em mais um momento emocionante da cerimônia.
 
Por fim, o hino de Feira de Santana foi entoado e os convidados participaram de um coquetel de confraternização.
 

 

 

  




$result.label $result.label $result.label $result.label $result.label $result.label